Ad imageAd image

TCHOVA: uma nova abordagem à gestão financeira pessoal

Targeting
Targeting

O Dinheiro Limpo, startup com sólida experiência no sector de literacia financeira, lançou a 1 de Setembro o TCHOVA – aplicativo que promete revolucionar a gestão financeira pessoal e impulsionar o crescimento financeiro dos seus usuários e que já está disponível nas versões Android e IOS.

Entre as principais funcionalidades financeiras já disponíves na aplicação, enumeram-se as seguintes: i) Registo de rendimentos e despesas: permite um registo simples e eficaz de rendimentos e despesas de várias fontes, proporcionando uma visão clara da situação financeira individual; ii) Categorização de despesas: oferece a capacidade aos utilizadores de categorizar suas despesas, possibilitando a análise de padrões de gastos e a tomada de decisões financeiras fundamentadas; iii) Orçamentos personalizados: ajuda os utilizadores a criar orçamentos adaptados às diferentes áreas das suas vidas, promovendo uma gestão financeira mais eficiente, e iv) Histórico de transações detalhadas: fornece um histórico completo e pormenorizado das transações financeiras, oferecendo insights valiosos sobre os hábitos financeiros.

“O TCHOVA permite aos utilizadores não só poupar e orçamentar dinheiro, como também tirar relatório dos gastos feitos nos últimos meses, projectar quais serão as suas finanças futuras e colocar limites em cada cartão que estiver inserido no aplicativo”, referiu Euclides Francisco, Director Geral do Dinheiro Limpo à revista Forbes África Lusófona.

Para que a experiência de utilização seja a melhor e para que as pessoas tirem o maior partido do aplicativo, o TCHOVA trabalha de perto com instituições bancárias no intuito de haver uma integração que os utilizadores acessem o histórico de suas contas bancárias e de investimentos directamente na aplicação, facilitando ainda mais a gestão financeira abrangente.

Num futuro próximo estão previstas a inclusão de outras funcionalidades “inovadoras”, como são os casos da Mixikila (inspirada na prática tradicional angolana Kixikila) e que promove a poupança disciplinada através de produtos financeiros estruturados, eliminando a dependência de jogos de Kixikila para economizar mensalmente e da Gestão de Património Global, que visa oferecer aos utilizadores a capacidade de gerir o seu património global, incluindo investimentos em Angola e no estrangeiro, proporcionando uma visão completa e unificada de seus activos financeiros.

De acordo com o Dinheiro Limpo, o TCHOVA tem como objectivo conquistar não apenas Angola, mas também os Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOP) e expandir-se para outros países africanos, incluindo a África do Sul e a Nigéria.

Os utilizadores poderão ter acesso às funcionalidades premium do TCHOVA por uma taxa mensal de 3.500 kwanzas ou uma taxa anual de 25.000 kwanzas. Segundo Euclides Francisco, foram investidos no novo projecto pelo menos 120 milhões de kwanzas, entre o desenvolvimento, segurança e marketing do aplicativo.

Redacção: ola@targeting.ao

Compartilhe este artigo
Deixe um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *